Trigo bloqueado nos portos argentinos chega a 550 mil t

quarta-feira, 12 de dezembro de 2012 16:42 BRST
 

Por Gustavo Bonato

SÃO PAULO, 12 Dez (Reuters) - A fila de navios com trigo aguardando liberação nos portos da Argentina chega ao equivalente a 550 mil toneladas, colaborando para a elevação dos preços no Brasil, principal comprador do cereal argentino, disse nesta quarta-feira um importante industrial.

"Não houve nenhum embarque da safra nova", disse à Reuters Lawrence Pih, um dos principais empresários do setor e integrante do conselho da associação da indústria brasileira (Abitrigo).

Os embarques podem ser retomados nas próximas horas, disse uma fonte do setor de exportação na Argentina, uma vez que o bloqueio informal realizado pelo governo foi retirado, com a liberação de papeis necessários para a saída dos navios.

A fonte pediu para não ser identificada.

Os embarques do produto estão parados desde o dia 5 de dezembro, e segundo Pih não houve até agora nenhuma explicação das autoridades argentinas sobre as restrições aos embarques.

"O mercado não está entendo, mesmo porque estamos no auge da colheita (na Argentina)", disse ele.

O executivo diz que mesmo que ocorram liberações a partir do dia 15, quando as licenças de exportação da nova temporada entram em vigência, já há impacto para os custos dos moinhos brasileiros.

O Brasil está encerrando uma safra menor que a de 2011, em função de redução de área plantada e chuvas.   Continuação...