Vendas de novas moradias nos EUA têm maior alta desde abril de 2010

quinta-feira, 27 de dezembro de 2012 13:48 BRST
 

WASHINGTON, 27 Dez (Reuters) - As vendas de novas moradias para uma única família nos Estados Unidos aceleraram em novembro no ritmo mais rápido em dois anos e meio e a mediana dos preços de venda saltou em relação ao mesmo mês de 2011, dando sinal de que a recuperação do mercado imobiliário norte-americano está ganhando certa força.

O Departamento do Comércio informou nesta quinta-feira que as vendas avançaram 4,4 por cento no mês passado, para um ritmo anual de 377 mil unidades, segundo dados ajustados sazonalmente. O resultado veio em linha com as previsões dos analistas, que esperavam um ritmo anual de 378 mil unidades.

Os dados do governo estão sujeitos a revisões substanciais. De fato, o Departamento do Comércio cortou sua estimativa para as vendas em outubro em 7 mil, para 361 mil unidades.

O ritmo anual de vendas para novembro foi o mais rápido desde abril de 2010.

Este ano, o setor imobiliário tem apontado para fortalecimento em uma economia assolada pela fraca confiança empresarial e esfriamento da demanda externa. A mediana dos preços de uma casa nova subiu para 246.200 dólares, alta de 14,9 por cento em relação ao mesmo mês de 2011.

O ritmo de novas vendas de moradias está em cerca de um quatro da máxima de todos os tempos atingida em julho de 2005, quando a bolha imobiliária ainda estava sendo inflada. Pouco tempo depois, a bolha começou a estourar, ajudando a disparar a recessão de 2007 a 2009, a maior queda desde a Grande Depressão.

(Reportagem de Jason Lange)