Camboja terá US$11 bi de chineses em siderúrgica e infraestrutura

quarta-feira, 2 de janeiro de 2013 12:03 BRST
 

Por Prak Chan Thul

PHNOM PENH, 2 Jan (Reuters) - Duas empresas chinesas chegaram a um acordo para a construção de 400 quilômetros de linha férrea, uma siderúrgica e um porto no Camboja, em um negócio avaliado em 11,2 bilhões de dólares, no que poderá ser o maior investimento já feito no país empobrecido.

A Camboja Iron and Steel Mining Industry contratou a China Railway para construir uma ferrovia para ligar uma unidade de aço no norte da província de Preah a um porto na ilha de Koh Kong, disse o presidente da empresa nesta quarta-feira.

A empresa investidora, criada em 2006, é chinesa com sede em Phnom Penh.

A ligação ferroviária e o porto poderão custar 9,6 bilhões de dólares e a siderúrgica, 1,6 bilhão de dólares.

O acordo é o mais recente sinal da China expandindo sua presença nas economias do Sudeste da Ásia.

Empréstimos e investimentos levaram a China a ganhar alguns aliados políticos na associação de 10 membros do Sudeste Asiático (ASEAN), que deverá se tornar uma comunidade integrada de comércio em 2016.

(Tradução Rio de Janeiro 55 21 2223 7157)

REUTERS SL RS