Petróleo sobe com acordo nos EUA; Brent tem máxima de 11 semanas

quarta-feira, 2 de janeiro de 2013 13:05 BRST
 

NOVA YORK, 2 Jan (Reuters) - Os futuros do petróleo nos Estados Unidos subiram mais de 2 dólares nesta quarta-feira, após congressistas norte-americanos aprovarem acordo para evitar elevados cortes de gastos e alta em impostos que poderiam levar a economia americana a uma recessão.

Por volta das 12h55 (horário de Brasília), o contrato para fevereiro em Nova York reduzia a alta, subindo 1,8 por cento, a 93,54 dólares.

Pelo mesmo motivo, o petróleo Brent atingiu uma máxima em 11 semanas, a quase 113 dólares por barril.

Os Estados Unidos evitaram uma calamidade econômica após os legisladores aprovarem um acordo impedindo aumentos de impostos e cortes de gastos.

"O acordo fiscal nos EUA foi muito positivo para os mercados, que agora pode podem olhar para a frente numa situação melhor", disse Eugen Weinberg, analista de commodities do Commerzbank, em Frankfurt.

Outras commodities, como o ouro e o café, também operavam em alta com o otimismo econômico.

(Por Robert Gibbons, em Nova York, e Christopher Johnson, em Londres)