CORREÇÃO-Bovespa encerra pregão em baixa por realização de lucros

sexta-feira, 4 de janeiro de 2013 20:18 BRST
 

(Corrige cotação da ação da Petrobras no 11o parágrafo para alta de 0,39 por cento, e não de 5,22 por cento, e valor de fechamento do papel para 20,48 reais, e não 12,54 reais. No 9o parágrafo, acrescenta cotação para ação preferencial da Usiminas)

Por Danielle Assalve

SÃO PAULO, 4 Jan (Reuters) - O principal índice brasileiro de ações teve um dia de realização de lucros nesta sexta-feira, na contramão dos mercados externos, após acumular alta de quase 5 por cento nos três pregões anteriores.

O Ibovespa perdeu 1,25 por cento, a 62.523 pontos, pressionado pela mineradora Vale e pela siderúrgica Usiminas. O giro financeiro do pregão foi de 9,87 bilhões de reais.

Apesar do recuo, o índice encerrou a primeira semana do ano com valorização de 2,58 por cento. Para o sócio da Fram Capital Roberto Serra, o ajuste desta sexta-feira não altera a tendência positiva de curto prazo para o mercado brasileiro.

"Muitos players ainda estão fora do Brasil. Se houver melhora externa e percepção de melhora também da economia brasileira, a bolsa terá mais espaço para subir", disse ele.

Na cena externa, números do mercado de trabalho e do setor de serviços dos Estados Unidos ajudaram as bolsas a se firmarem no campo positivo nesta sexta-feira.

Em Wall Street, o índice Dow Jones tinha alta de 0,16 por cento e o S&P 500 subia 0,32 por cento às 17h52 (horário de Brasília). Mais cedo, o principal índice europeu de ações fechou em alta de 0,4 por cento.

Na bolsa brasileira, as ações da mineradora Vale caíram pelo segundo pregão seguido, apesar do avanço do preço do minério de ferro na China. A preferencial perdeu 2,19 por cento e a ordinária recuou 1,89 por cento.   Continuação...