REEDIÇÃO-Geração térmica eleva encargo na energia a novo recorde em dezembro

segunda-feira, 7 de janeiro de 2013 19:32 BRST
 

(Texto reescrito para esclarecer no segundo parágrafo, à pedido da Abrace, que a redução da demanda voluntária poderia acontecer devido a um PLD alto)

SÃO PAULO, 7 Jan (Reuters) - A geração de energia termelétrica no Brasil deve levar o Encargo de Serviços ao Sistema (ESS) atingir 929,2 milhões de reais em dezembro --um novo recorde histórico--, segundo cálculos da Associação Brasileira de Grandes Consumidores Industriais de Energia e de Consumidores Livres (Abrace).

"A Abrace entende que devido ao PLD (Preço de Liquidação de Diferenças) elevado, empresas que estão comprando no mercado à vista podem avaliar a possibilidade de reduzir a demanda", disse a associação em nota enviada na tarde desta segunda-feira, esclarecendo que uma redução voluntária da demanda poderia ser avaliada no contexto de um PLD alto.

O PLD chegou a quase 555 reais por megawatt-hora nesta semana.

Já a Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE) calcula, também utilizando dados do ONS, disse que o encargo possa ter sido ainda maior --de cerca de 942,2 milhões de reais em dezembro, dos quais 910,3 milhões de reais referem-se à segurança energética.

A alta do encargo é influenciada principalmente pela entrada em operação de todas as termelétricas do país para garantir a segurança no fornecimento de energia aos consumidores, diante das chuvas escassas que têm resultado em um baixo nível dos reservatórios das usinas hidrelétricas e preocupações quanto a um possível racionamento de energia no país.

Caso a estimativa da Abrace se confirme, o ESS será de 2,7 bilhões de reais em 2012, informou a associação em nota.

O ESS é cobrado na conta de eletricidade e engloba encargos por restrição operativa, por segurança energética, por ultrapassagem da curva de aversão ao risco e encargos por serviços ancilares. Os dados oficiais de dezembro ainda não estão divulgados.

"É preocupante o fato de não haver uma expansão da capacidade de reserva do sistema elétrico brasileiro proporcional ao seu crescimento", disse o presidente da Abrace, Paulo Pedrosa.

A CCEE calcula que nos primeiros dias de janeiro o ESS acumula quase 80 milhões de reais no mês, conforme informou durante apresentação do informativo InfoPLD de janeiro, nesta segunda-feira.

(Por Anna Flávia Rochas)