Lançamentos da Brookfield atingem ponto mínimo da previsão de 2012

segunda-feira, 14 de janeiro de 2013 20:55 BRST
 

RIO DE JANEIRO, 14 Jan (Reuters) - Os lançamentos da Brookfield Incorporações somaram 1,757 bilhão de reais no quarto trimestre e fecharam 2012 em quase 3,1 bilhões de reais, pouco acima do ponto mínimo da previsão da construtora e incorporadora para o ano passado.

A Brookfield estimava que os lançamentos ficassem entre 3 bilhões e 3,5 bilhões de reais no período. Na comparação com 2011, os lançamentos tiveram uma queda de 21,8 por cento. Já em relação ao quarto trimestre de 2011, o recuo foi menor, de 2,7 por cento.

As vendas contratadas nos três últimos meses de 2012 foram de 1,11 bilhão de reais, queda de 16,5 por cento na comparação anual. No fechado do ano, as vendas chegaram a 3,4 bilhões de reais, ante estimativa de 3 bilhões a 3,5 bilhões de reais no período.

Apesar de cumprir o guidance para 2012, o resultado ficou 23,5 por cento abaixo das vendas do ano anterior, que foram de 4,4 bilhões de reais.

Segundo a Brookfield, o índice de Vendas sobre Oferta(VSO) ficou em 23,7 por cento no quarto trimestre, ante 20,3 por cento no período imediatamente anterior, "indicando que a demanda de mercado continua saudável. Além disso, foi o VSO mais alto do ano", disse a empresa, em comunicado.

A companhia informou, ainda, que os distratos totalizaram 99,1 milhões reais --ou 527 unidades-- volume considerado estável ao longo de 2012, segundo a Brookfield.

Foram entregues 20 projetos ou fases de projetos durante o trimestre, em um total de 2.278 unidades, equivalente em 377,9 milhões de reais em Valor Geral de Vendas (VGV).

No ano, 75 projetos ou fases de projetos foram entregues, representando 9.246 unidades, com VGV de 1,8 bilhão de reais.

(Por Juliana Schincariol)