Nível de reservatórios de hidrelétricas do NE e do Sul recua

quarta-feira, 16 de janeiro de 2013 11:01 BRST
 

SÃO PAULO (Reuters) - Os reservatórios das hidrelétricas brasileiras ainda não dão sinais de estabilidade na tendência de aumento dos níveis e voltaram a cair nas regiões Nordeste e Sul na terça-feira, segundo dados do Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS).

O Nordeste, que tinha apresentado uma leve recuperação na segunda-feira, viu o nível de seus reservatórios recuar de 29,62 para 29,57 por cento, enquanto que no Sul, o nível das reservas caiu de 49,58 para 49,35 por cento.

O Sudeste continua com aumento do armazenamento, que passou de 30,43 por cento na segunda-feira para 30,88 por cento na terça-feira. No Norte, o nível também subiu passando de 42,47 para 42,74 por cento.

Na terça-feira, o ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, voltou à afirmar que não há risco de racionamento de energia no país.

Atualmente, praticamente todas as térmicas disponíveis no país estão ligadas para garantir o fornecimento de energia, sendo que Angra 1 está parada para manutenção e ainda se espera a entrada de parte da capacidade de geração da termelétrica Uruguaiana (640 MW) até o fim do mês.

(Por Anna Flávia Rochas)