Huawei se recupera com alta de 33% no lucro, prevê forte receita em 2013

segunda-feira, 21 de janeiro de 2013 12:32 BRST
 

PEQUIM, 21 Jan (Reuters) - A Huawei , segunda maior fabricante de equipamentos de telecomunicação do mundo, recuperou-se do resultado decepcionante em 2011, com um crescimento de 33 por cento no lucro líquido em 2012, e prevê um forte crescimento na receita, impulsionada por smartphones e computação em nuvem.

A vice-presidente financeiro da companhia, Cathy Meng, filha do fundador Ren Zhengfei, descartou que as preocupações de segurança norte-americanas vão prejudicar o crescimento da empresa, acrescentando que manterá "a mente aberta" sobre uma possível listagem.

"A computação em nuvem é um grande setor para os próximos cinco anos. Na indústria de telecomunicações, estamos esperamos um aumento de cinco por cento nos investimentos de capital", afirmou Meng.

A Huawei, que fica apenas atrás dá sueca Ericsson no setor de equipamentos, registrou um lucro líquido não auditado de 15,4 bilhões de iuans (2,5 bilhões de dólares), ante os 11,6 bilhões de iuans registrados em 2011, na medida em que novos projetos de telecomunicações e smartphones impulsionaram as vendas.

A receita anual subiu 8 por cento, para 220,2 bilhões de iuans.

Os resultados foram em linha com o guidance da empresa no início do ano. Na véspera, a ZTE alertou para um prejuízo líquido de 2,9 bilhòes de iuans (467 milhões de dólares) em 2012.

(Por Lee Chyen Yee)

 
Lucro da Huawei sobe 33 por cento e chega a 2,5 bilhões de dólares, recuperando resultado decepcionante de 2011. 08/01/2013. REUTERS/Rick Wilking