Preço do minério de ferro sobe após semana de queda acentuada

quarta-feira, 23 de janeiro de 2013 13:55 BRST
 

23 Jan (Reuters) - Os preços do minério de ferro no mercado à vista subiram nesta quarta-feira, em meio a uma interrupção temporária de embarques na Austrália causada pela passagem de um ciclone pelos principais portos do país.

O minério com 62 por cento de teor de ferro teve alta de 1,2 por cento dos últimos dois dias, a 147,70 dólares por tonelada, segundo dados do Steel Index.

Na semana passada, houve um recuo de 6,3 por cento, quando as siderúrgicas chinesas diminuíram a procura pela matéria-prima do aço.

No início de janeiro, a cotação do minério atingiu o maior patamar em mais de um ano, recuperando-se de mínimas de três anos abaixo de 87 dólares em setembro.

O porto australiano de Hedland, que movimenta quase 20 por cento do minério de ferro comercializado por via marítima no mundo, deve reabrir nesta quarta-feira após a passagem de um ciclone que também fechou outros grandes portos no oeste da Austrália.

O Peta, ciclone de categoria 1, a mais fraca na escala que vai até cinco, obrigou os portos de Hedland, Cape Lambert e Dampier a suspender as operações na terça-feira, parando quase metade do comércio mundial de minério.

A interrupção das operações nos portos australianos deve apoiar os preços, mesmo com as usinas chinesas reduzindo compras após uma recomposição de estoques, disseram traders.

"As ofertas ainda estão num nível alto, mas o interesse de compra das siderúrgicas diminuiu, e eu espero que elas suspendam as compras na próxima semana, antes do feriado do Ano Novo lunar", disse um trader de minério de ferro sediado em Xangai.

As usinas de aço chinesas geralmente reduzem as atividades nas duas semanas anteriores ao feriado do Ano Novo lunar, que dura uma semana e que nesta ano cai em meados de fevereiro.

(Por Gustavo Bonato, em São Paulo; Reportagem adicional de Ruby Lian e David Stanway, em Xangai)