Governo não está tentando enfraquecer iene e BC, diz ministro japonês

sábado, 26 de janeiro de 2013 12:22 BRST
 

DAVOS, Suíça, 26 Jan (Reuters) - O ministro da Economia do Japão, Akira Amari, disse neste sábado que o recente programa de estímulo fiscal e monetário de seu país não tem como objetivo enfraquecer o iene ou minar a independência do banco central japonês.

Amari disse no Fórum Econômico Mundial, em Davos, na Suíça, que caberá ao mercado determinar a taxa de conversão da moeda e que o Banco do Japão havia decidido de modo independente assinar um comunicado conjunto de ações para combater a deflação e reavivar o crescimento econômico.

"Vocês podem pensar que existe uma política deliberada para reduzir o valor do iene, mas nós no governo nos abstemos de fazer comentários sobre a taxa de conversão do iene", declarou Amari, em resposta às críticas às medidas do Japão.

(Reportagem de Lisa Jucca e Paul Taylor)