Ações europeias registram pior queda diária em 1 mês

quarta-feira, 30 de janeiro de 2013 15:08 BRST
 

LONDRES, 30 Jan (Reuters) - As ações europeias sofreram sua pior queda diária neste mês nesta quarta-feira após balanços corporativos decepcionantes e dados econômicos fracos sobre os Estados Unidos prejudicarem o ânimo e levarem o mercado a posicionar-se para mais recuos no curto prazo.

O índice FTSEurofirst 300, que reúne os principais papéis do continente, fechou com baixa de 0,6 por cento, a 1.170 pontos -- recuando de máximas em 2 anos atingidas no dia anterior e tendo a pior perda diária desde 28 de dezembro.

O índice continua, no entanto, em vias de registrar seu melhor mês desde julho do ano passado.

Um alerta de lucro da Saipem fez as ações da maior companhia de serviços de petróleo da Europa caírem 34,3 por cento e repercutiu no setor de gás e petróleo.

O papel da Imperial Tobacco, enquanto isso, recuou 3,9 por cento após prever lucro mais baixo.

O índice ampliou perdas durante a tarde após dados mostrarem que a economia norte-americana inesperadamente contraiu no quarto trimestre, sofrendo seu primeiro declínio desde que a recessão acabou há mais de três anos.

"Certamente é um alerta para esse rali infinito do mercado", disse o chefe da companhia de negociações de derivativos do Qubed Derivatives, Dermot Corrigan. "O mercado (de dinheiro) está bastante sobrecomprado, então uma correção seria saudável".

Em LONDRES, o índice Financial Times fechou em baixa de 0,25 por cento, a 6.323 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX caiu 0,47 por cento, para 7.811 pontos.   Continuação...