JBS conclui compra dos ativos do frigorífico Independência

quinta-feira, 31 de janeiro de 2013 10:41 BRST
 

SÃO PAULO, 31 Jan (Reuters) - A JBS, maior processadora de proteína animal do mundo, informou nesta quinta-feira que concluiu a compra dos ativos do frigorífico Independência, ratificando decisão da maioria dos credores, que aprovou a operação em novembro do ano passado.

"Nesta data foi concretizada a aquisição de determinados ativos, pertencentes e de titularidade de BNY Mellon Serviços Financeiros Distribuidora de Títulos e Valores Mobiliários S/A, na qualidade de agente fiduciária de credores detentores de notas (bonds) emitidos pelo Independência International", informou a empresa em comunicado.

Estes ativos pertenciam ao Independência mas haviam sido dados aos credores conforme compromisso do frigorífico, emissor de bonds, títulos de dívida.

Além disso, foi concretizada a aquisição de "direitos inerentes a créditos detidos por determinados credores do Independência".

Para ser concluída, a operação dependia da aprovação dos credores detentores destes títulos de dívida e outros não contemplados pelo plano de recuperação judicial, que foi obtida em assembleia realizada em novembro do ano passado.

A compra inclui quatro unidades frigoríficas em Nova Andradina (MS), Campo Grande (MS), Senador Canedo (GO) e Rolim de Moura (RO); dois curtumes em Nova Andradina (MS) e Colorado D'Oeste (RO); e dois centros de distribuição e armazéns em Cajamar (SP) e Santos (SP).

A incorporação de unidades do Independência, que já foi um dos maiores do país, poderá agregar 1,75 bilhão de reais ao faturamento operacional da JBS, além de elevar a capacidade de abate da companhia.

A proposta de compra da JBS envolve o pagamento de 268 milhões de reais, sendo 135 milhões de reais com ações da própria companhia, e os 133 milhões de reais restantes em dinheiro, conforme aprovado na última assembleia de credores.

Durante a divulgação do seu balanço, também em novembro passado, a JBS já havia anunciado a reabertura de três unidades frigoríficas, que já estavam arrendadas junto ao Independência, mas não em operação.

No fim do ano passado, a JBS colocou em operação as plantas de Rolim de Moura (RO) e Nova Andradina (MS). Até abril, a empresa deve abrir a unidade de Senador Canedo (GO).

(Por Fabíola Gomes)