Dow fecha acima de 14.000 pontos pela 1a vez desde 2007

sexta-feira, 1 de fevereiro de 2013 19:56 BRST
 

Por Angela Moon

NOVA YORK, 1 Fev (Reuters) - As ações norte-americanas avançaram para máximas em cinco anos nesta sexta-feira, com o índice Dow Jones fechando acima de 14.000 pontos pela primeira vez desde outubro de 2007, após dados sobre emprego e atividade industrial mostrarem que a recuperação da economia continua em andamento.

O índice Dow Jones, referência da bolsa de Nova York, avançou 1,08 por cento, para 14.009 pontos. O índice Standard & Poor's 500 teve valorização de 1,01 por cento, para 1.513 pontos. O termômetro de tecnologia Nasdaq subiu 1,18 por cento, para 3.179 pontos.

Na semana, o Dow Jones acumulou alta de 0,8 por cento, o S&P 500 teve valorização de 0,7 por cento e o Nasdaq avançou 0,9 por cento.

O S&P 500 tocou sua máxima desde dezembro 2007 após avançar 5 por cento em janeiro, seu melhor início de ano desde 1997. O índice está agora a apenas 60 pontos de sua máxima intradia histórica de 1.576 pontos.

O emprego registrou crescimento modesto em janeiro nos EUA, com a criação de 157 mil postos de trabalho, levemente abaixo das expectativas. Mas revisões do Departamento de Trabalho mostraram que mais 127 mil postos de emprego foram gerados em novembro e dezembro do que o anunciado anteriormente.

Outros dados nesta sexta-feira também sugeriram que a recuperação está intacta, com a atividade industrial atingindo uma máxima de nove meses em janeiro com forte crescimento das novas encomendas. A confiança do consumidor melhorou.

Analistas atribuíram parte da boa performance do mercado até agora no ano a um forte fluxo de dinheiro ao mercado acionário.

Investidores despejaram 12,7 bilhões de dólares em fundos mútuos acionários e fundos negociados em bolsa baseados nos EUA na semana passada, encerrando a série de quatro semanas de fluxos mais fortes para ações desde 1996, mostraram dados na terça-feira.

"Há muito dinheiro buscando um destino e as pessoas estão finalmente decidindo que o mercado de bônus acabou, transferindo dinheiro para ações", avaliou o diretor de operações e sócio do HighTower, Edward Simmons.

"Eu vejo a rotatividade (de ativos) elevando o mercado frente às quantidades menores de boas notícias", disse. "As pessoas estão ignorando o maior risco das ações", completou.