IGP-DI desacelera para alta de 0,31% em janeiro--FGV

terça-feira, 5 de fevereiro de 2013 08:28 BRST
 

BRASÍLIA, 5 Fev (Reuters) - O Índice Geral de Preços-Disponibilidade Interna (IGP-DI) subiu 0,31 por cento em janeiro, ante elevação de 0,66 por cento em dezembro, com destaque para a queda dos preços das matérias-primas brutas, informou a Fundação Getulio Vargas (FGV) nesta terça-feira.

Levantamento da Reuters mostrou que, pela mediana de 20 previsões, o indicador teria alta de 0,27 por cento em janeiro. Em 12 meses, o índice registra alta de 8,11 por cento em janeiro.

Neste começo de ano os preços no atacado tiveram desaceleração, mas no varejo houve avanço da alta.

O Índice de Preços ao Produtor Amplo (IPA-DI) não registrou variação no mês passado, após apresentar alta em dezembro de 0,74 por cento. O índice calcula as variações de preços de bens agropecuários e industriais nas transações em nível de produtor e responde por 60 por cento do IGP-DI.

O destaque em janeiro no atacado foi o recuo de 1,62 por cento nos preços de produtos agropecuários após avançarem 1,27 por cento em dezembro. Já os produtos industriais tiveram alta de 0,67 por cento, acelerando em relação ao aumento de 0,53 por cento dos preços no mês anterior.

Sobre os estágios de produção, o índice relativo a Matérias-Primas Brutas registrou deflação de 2,26 por cento, ante avanço de 0,78 por cento em dezembro.

O setor de Bens Finais apresentou crescimento de 1,51 por cento em janeiro, ante alta de 0,88 por cento no mês anterior. O índice do grupo Bens Intermediários desacelerou a alta para 0,53 por cento, ante 0,59 por cento em dezembro.

VAREJO

Por sua vez, o Índice de Preços ao Consumidor (IPC-DI), registrou alta de 1,01 por cento, ante 0,66 por cento em dezembro. O índice mede a evolução dos preços às famílias com renda entre um e 30 salários mínimos mensais e corresponde a 30 por cento do IGP-DI.   Continuação...