Setor de serviços dos EUA tem ritmo mais fraco de expansão em janeiro--ISM

terça-feira, 5 de fevereiro de 2013 13:26 BRST
 

NOVA YORK, 5 Fev (Reuters) - O setor de serviços dos Estados Unidos registrou expansão em janeiro, embora o ritmo de crescimento tenha desacelerado ligeiramente ante o mês anterior, de acordo com relatório do Instituto de Gestão de Fornecimento (ISM, na sigla em inglês).

O ISM informou que seu índice do setor de serviços caiu para 55,2 no mês passado, ante 55,7 em dezembro. A leitura ficou em linha com a expectativa de economistas em pesquisa da Reuters.

Leitura acima de 50 indica expansão no setor, enquanto resultado abaixo de 50 mostra contração. A última vez que o índice ficou abaixo de 50 foi em dezembro de 2009, quando a economia estava começando a se recuperar da crise financeira e da recessão.

Entretanto, houve alguns sinais de fraqueza nos componentes do índice. O índice de novas encomendas, considerado uma medida para o futuro, ficou no nível mais baixo desde abril de 2012, caindo a 54,4 em janeiro ante 58,3 no mês anterior.

O índice de atividade empresarial também caiu, para 56,4 ante 60,8 no mês anterior, atingindo o menor nível desde agosto de 2012.

O índice de emprego, entretanto, foi o mais alto desde fevereiro de 2006, subindo para 57,5 em janeiro, ante 55,3 em dezembro.

(Reportagem de Edward Krudy)