Fed toma "ações firmes" para recuperar economia, diz Janet Yellen

segunda-feira, 11 de fevereiro de 2013 20:51 BRST
 

Por Pedro da Costa e Jason Lange

WASHINGTON, 11 Fev (Reuters) - O agressivo afrouxamento de políticas monetárias do Federal Reserve é necessário dado o ainda frágil estado do mercado de trabalho dos Estados Unidos, afirmou a vice-chairwoman do Fed, Janet Yellen, nesta segunda-feira.

Em um discurso em um encontro de um influente grupo trabalhista norte-americano, o AFL-CIO, Janet, potencial sucessora ao cargo do chairman do Fed, Ben Bernanke, no ano que vem, lamentou a fraca natureza da expansão econômica.

"O buraco entre a oferta máxima de emprego e as muito difíceis condições de trabalho enfrentadas hoje ajudam a explicar a urgência por trás dos atuais esforços do Federal Reserve de fortalecer a recuperação", disse Janet.

"Nós tomamos, e temos continuado a tomar, ação firme para elevar o ritmo do crescimento econômico e da geração de trabalhos", disse ela.

A economia dos EUA teve leve contração no quarto trimestre de 2012, e, embora o declínio tenha sido visto como temporário, o país continua a cresce igual ou menos de 2 por cento, bem abaixo da taxa que, segundo economistas, é necessária para reduzir a taxa de desemprego de 7,9 por cento.

Janet apontou para a errática política orçamentária dos EUA como uma fonte de fraqueza nessa recuperação.