Receita da Coca-Cola fica abaixo das expectativas e ações caem

terça-feira, 12 de fevereiro de 2013 12:50 BRST
 

Por Martinne Geller

12 Fev (Reuters) - A Coca-Cola apresentou uma receita no quarto trimestre um pouco abaixo das expectativas, afetada por um desempenho mais fraco que o esperado na Europa.

A maior fabricante de refrigerantes do mundo, com marcas como Sprite e Fanta, disse nesta terça-feira que a receita subiu 4 por cento, para 11,46 bilhões de dólares. Analistas esperavam 11,53 bilhões de dólares, de acordo com a Thomson Reuters I/B/E/S.

O volume de vendas em todo o mundo aumentou 3 por cento, mas na Europa caiu 5 por cento. O analista John Faucher, do JPMorgan, por exemplo, esperava um crescimento de 3,5 por cento do volume global, com um declínio de apenas 1 por cento na Europa.

"Ainda há apreensão lá fora, certamente na Europa", disse o presidente-executivo da Coca-Cola, Muhtar Kent, em entrevista à CNBC.

O lucro líquido do quarto trimestre foi de 1,87 bilhão de dólares, ou 0,41 dólar por ação, acima do 1,66 bilhão de dólares, ou 0,36 dólar por ação, um ano antes.

Excluindo custos de reestruturação e outros itens não-recorrentes, o lucro foi de 0,45 dólar por ação, 0,01 dólar acima da estimativa média de analistas.

As ações da Coca-Cola recuavam mais de 1 por cento na bolsa de Nova York às 12h49 (horário de Brasília).