Alemanha quer limitar ajuda a bancos da zona do euro

terça-feira, 12 de fevereiro de 2013 13:06 BRST
 

BRUXELAS, 12 Fev (Reuters) - O fundo de resgate da zona do euro deve limitar a recapitalização de bancos para bem abaixo de 80 bilhões de euros, disse nesta terça-feira o ministro das Finanças da Alemanha, Wolfgang Schaeuble.

A ambição de Schaeuble de reduzir o uso do Mecanismo de Estabilidade Europeu (ESM, na sigla em inglês) de 500 bilhões de euros representa um obstáculo para países como a Irlanda, que ainda espera obter assistência direta do fundo para os seus bancos.

"É claro que deve ser significativamente abaixo dos 80 bilhões de euros em capital", disse Schaeuble a jornalistas, após reunião de ministros das Finanças da União Europeia, em Bruxelas. "Em algum lugar entre zero e 80 bilhões de euros."

Os líderes da zona do euro concordaram em junho passado em permitir que o ESM recapitalize os bancos diretamente. Com isso, os países não precisarão aumentar suas dívidas soberanas para socorrer as instituições financeiras problemáticas.

Mas a Alemanha e outros países têm profundas reservas sobre o uso do ESM para esse fim, porque temem que isso vai deixá-los à mercê dos empréstimos ruins feitos na Espanha e em outros lugares.

(Por Annika Breidthardt)