Lucro da Anglo American cai 44% em 2012 com influência de Minas Rio

sexta-feira, 15 de fevereiro de 2013 07:14 BRST
 

LONDRES, 15 Fev (Reuters) - A mineradora global Anglo American registrou forte queda no lucro de 2012, prejudicada por menores ganhos nas unidades mais importantes e por baixas contábeis nos problemáticos ativos de platina e no importante projeto de minério de ferro Minas Rio, no Brasil.

O lucro operacional caiu 44 por cento, em linha com as expectativas, para 6,2 bilhões de dólares em 2012. Analistas consultados pela Thomson Reuters I/B/E/S previam 6,3 bilhões de dólares, ante consenso de 6,1 bilhões em pesquisa da própria companhia. O lucro antes de impostos recuou em mais de 50 por cento.

Após o impacto de imparidades relacionadas ao projeto Minas Rio e à unidade de platina, o prejuízo atribuído a acionistas somou 1,5 bilhão de dólares.

No mês passado, a mineradora anunciou uma baixa contábil de 4 bilhões de dólares no valor do projeto brasileiro de minério Minas Rio, em que atrasos de licenças e de outros tipos deixaram o custo três vezes maior que o previsto.

Greves na África do Sul, principalmente no segmento de platina, responderam por grande parte dos problemas da mineradora. A unidade Anglo American Platinum anunciou neste mês o primeiro prejuízo anual e disse que pode haver mais cortes de empregos, em meio a uma reestruturação mais ampla.

(Por Clara Ferreira-Marques)