Norte-americanas OfficeMaX e Office Depot negociam fusão--jornal

segunda-feira, 18 de fevereiro de 2013 17:53 BRT
 

NOVA YORK, 18 Fev (Reuters) - A companhias de material de escritório OfficeMax e Office Depot estão em conversas avançadas para uma fusão, noticiou o Wall Street Journal, citando pessoas familiarizadas com o assunto.

O negócio deve ser uma transação envolvendo troca de ações, disse o jornal nesta segunda-feira, acrescentando que os termos precisos não foram especificados pelas fontes.

O acordo ainda não está fechado, e as conversas ainda podem ser canceladas, disse o WSJ. Um anúncio pode ser feito já nesta semana, segundo as fontes ouvidas pelo jornal.

Porta-vozes das empresas não puderam ser imediatamente contatados para comentar sobre o assunto.

Varejistas de materiais de escritório têm sofrido com a concorrência de lojas online e outras varejistas como Costco e Wal-Mart, segundo o WSJ. Uma fusão pode levar à consolidação das lojas e da força de trabalho.

A Office Depot tem 1.675 lojas no mundo todo, e vendas anuais de cerca de 11,5 bilhões de dólares, com aproximadamente 39 mil funcionários. A OfficeMax opera quase 900 lojas nos EUA e no México, gerando receita anual de vendas de 7 bilhões de dólares, com 29 mil funcionários.

(Por Ilaina Jonas)