Pão de Açúcar tem lucro acima do esperado e mira expansão em 2013

quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013 15:56 BRT
 

Por Juliana Schincariol

RIO DE JANEIRO, 20 Fev (Reuters) - O Grupo Pão de Açúcar, maior empresa varejista do país, vai se concentrar em sua expansão e na continuidade de redução de despesas em 2013, em um ambiente de forte competição e de desgaste entre seus acionistas.

A intenção da companhia é abrir pelo menos 150 lojas em 2013, com a adição de 160 mil metros quadrados e prioridade para as regiões Nordeste e Centro-Oeste, segundo afirmou o presidente-executivo, Enéas Pestana, em teleconferência com analistas nesta quarta-feira.

"O ano de 2013 vai ser o ano em que a gente vai avançar e consolidar as nossas operações", disse Pestana.

A expansão deve ser concentrada nas lojas Minimercado Extra, com 100 novas lojas neste formato, segundo anunciou a empresa no final de 2012. .

O diretor de relações corporativas do grupo, Vitor Fagá, não quis detalhar as projeções para as demais 50 lojas, limitando-se a citar marcas como Pão de Açúcar, Assai, Casas Bahia.

"Toda essa expansão acelerada deve trazer uma contribuição adicional à melhora de resultados que a gente espera", disse em entrevista à Reuters.

Pestana afirmou, ainda, que o grupo vê "excelentes oportunidades" em agregar valor aos seus ativos imobiliários.

O foco da unidade imobiliária do Pão de Açúcar, a GPA Malls & Properties, será a otimização das áreas e galerias conjuntas às suas lojas, disse Fagá. "Nas novas lojas, os projetos já vão prever áreas maiores e nas lojas existentes, hoje está em curso uma revisão que consiga implementar galerias maiores", afirmou.   Continuação...