Grupo espanhol Ferrovial irá disputar leilão de Confins e Galeão

segunda-feira, 25 de fevereiro de 2013 16:33 BRT
 

SÃO PAULO, 25 Fev (Reuters) - A empresa Ferrovial Aeroportos, subsidiária do espanhol Grupo Ferrovial e acionista do aeroporto Heathrow, em Londres, irá participar da concessão dos aeroportos de Confins (MG) e Galeão (RJ), informou nesta segunda-feira.

Segundo Jorge Gil, diretor da Ferrovial Aeroportos, a ideia é formar uma parceria com um sócio brasileiro, mas ainda não foi tomada uma decisão sobre participantes de um consórcio.

"Ainda estamos decidindo, mas a princípio a ideia seria ir acompanhados. Estamos em fase preliminar do processo, analisando isso, e com que sócios ir ao leilão", disse à Reuters.

"Nossa prioridade seria encontrar sócios locais. Imagino que haverá interesse internacional, mas estamos centrando nossas negociações e processo de identificação de parceiros locais."

A empresa, uma das maiores operadoras privadas de aeroportos do mundo, concorreu no ano passado na primeira etapa de privatização de aeroportos juntamente com a Queiroz Galvão.

Na ocasião, foram concedidos à iniciativa privada os aeroportos de Guarulhos (SP), para o consórcio no qual participam a Invepar e a sul-africana ACSA; Viracopos (SP), para Triunfo e a francesa Egis Airport; e Brasília, para a Engevix e a argentina Corporación América.

"Seguimos interessados no Brasil. É um país que oferece grandes oportunidades, e acreditamos que nossa capacidade de gestão aeroportuária pode fazer que tenhamos mais êxito que no passado."

Atualmente, o grupo Ferrovial é sócio industrial e primeiro acionista do Heathrow Airports Holdings (HAH), adquirido em 2006 e que inclui os aeroportos de Heathrow, Glasgow, Aberdeen, Southampton e Stansted.

(Por Roberta Vilas Boas)