Ações asiáticas caem por impasse em eleições italianas

terça-feira, 26 de fevereiro de 2013 08:07 BRT
 

TÓQUIO, 26 Fev (Reuters) - As ações asiáticas caíram nesta terça-feira e o euro atingiu o menor nível em quase sete semanas ante o dólar, ao passo que um aparente impasse nas eleições italianas levantou o espectro de uma retomada da crise da dívida da zona do euro.

"Há uma possibilidade de os italianos terem que voltar às urnas. No curto prazo, investidores e operadores não gostam da incerteza", afirmou o analista de mercado do OptionsXpress em Sydney Ben Le Brun.

A coalizão de centro-esquerda da Itália conquistou a maioria na Câmara do Parlamento, mas o Senado ficará indefinido, informou na terça-feira o Ministério do Interior após a contagem de quase todos os votos. Nenhum partido ou coalizão ganhou a maioria dos assentos no Senado, o que um governo precisa para aprovar uma legislação.

Às 8h02 (horário de Brasília), o índice MSCI que reúne ações da região Ásia-Pacífico com exceção do Japão caía 1,26 por cento. As ações australianas perderam 1,03 por cento, as sul coreanas recuaram 0,47 por cento, enquanto Hong Kong cedeu 1,32 por cento.

As ações de Xangai retrocederam 1,40 por cento depois que a mídia local dissipou temores sobre um aperto monetário.

No Japão, a apreciação do iene durante a noite atingiu o índice acionário Nikkei, que recuou 2,26 por cento, depois de ter encerrado no maior nível em 53 meses no dia anterior.

A bolsa de Taiwan perdeu 0,84 por cento, enquanto Cingapura teve queda de 1,05 por cento.

(Reportagem de Chikako Mogi; reportagem adicional de Manolo SerapiThuy Ong em Sydney)