27 de Fevereiro de 2013 / às 00:05 / em 5 anos

Lojas Renner tem lucro 24% maior no 4º tri; vê 2013 positivo

RIO DE JANEIRO, 26 Fev (Reuters) - Após obter lucro líquido 24 por cento maior e crescimento acima de 12 por cento nas vendas comparáveis no último trimestre, a Lojas Renner prevê abrir até 46 pontos de venda em 2013, ano em que pretende investir 485,6 milhões de reais.

O otimismo para este ano baseia-se na expectativa de que o poder de compra das famílias seguirá forte, disse à Reuters o vice-presidente financeiro da companhia, Adalberto dos Santos.

“Apesar da inflação acima do desejado, o mercado de trabalho está bem aquecido e a massa salarial deve continuar sem sofrer e a demanda para o varejo deve continuar positiva em 2013”, disse.

A varejista prevê abrir de 25 a 30 Lojas Renner, seis Camicado e 10 Blue Steel neste ano, segundo ele. Em 2012, foram abertas 35 novas unidades, no total.

Os investimentos devem somar 485,6 milhões de reais em 2013, acima dos 398,7 milhões de reais no ano passado, segundo Santos. Neste ano, o número de lojas reformadas será de 14, o dobro em relação a 2012.

A Renner prepara para o segundo semestre a abertura um novo modelo de loja Blue Steel, com outro nome, mas deve inaugurar três unidades sob marca atual até junho.

Com esse planejamento, a companhia começa o ano com expectativas mais otimistas do que em 2012, quando a crise europeia e um inverno mais quente do que o esperado afetaram diretamente a rede varejista

A Renner anunciou nesta terça-feira que teve lucro líquido de 147,7 milhões de reais entre outubro e dezembro, pouco abaixo das expectativas, embora 24 por cento maior que em igual etapa de 2011. A média de quatro analistas obtidas pela Reuters apontava lucro de 148,6 milhões de reais.

“O ambiente macroeconômico estável em relação ao nível de empregos, as condições climáticas propícias, a adequada estratégia de introdução das coleções e a sua assertividade refletiram-se positivamente no quarto trimestre”, disse a varejista em relatório.

A receita líquida das vendas de mercadorias no período foi de 1,18 bilhão de reais, alta de 21,8 por cento na comparação anual. O Ebitda (sigla em inglês para lucro antes dos juros, impostos, depreciação e amortização) foi de 282,3 milhões de reais, crescimento de 31,4 por cento ante mesma etapa em 2011.

As vendas mesmas lojas cresceram 12,4 por cento nos últimos três meses de 2012, 7,1 ponto percentual acima do resultado de um ano antes, de 5,3 por cento. A companhia considera apenas os resultados das Lojas Renner para este indicador.

No quarto trimestre, o resultado de serviços financeiros atingiu 32,7 milhões de reais, 59,7 por cento acima dos 20,5 milhões de reais de um ano antes.

As perdas líquidas do cartão Renner, líquidas de recuperações, ficaram em 2,7 por cento da receita líquida das vendas de mercadorias, ante 3,2 por cento no último quarto de 2001.

A Renner encerrou 2012 com lucro líquido de 355,4 milhões de reais, ante 336,9 milhões de reais em 2011. A receita líquida de vendas em mercadorias foi de 3,5 bilhões de reais, avanço anual de 20,7 por cento. Já o Ebtida total fechou o ano em 692,2 milhões de reais, acima dos 570,2 milhões em 2011.

As ações da companhia fecharam o pregão desta quarta-feira em alta de 2,02 por cento, a 75,7 reais. O Ibovespa subiu 0,59 por cento.

Por Juliana Schincariol

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below