Lobão admite que governo estuda compensar distribuidoras por térmicas

quarta-feira, 27 de fevereiro de 2013 17:01 BRT
 

BRASÍLIA, 27 Fev (Reuters) - O ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, confirmou nesta quarta-feira que o governo está analisando se fará um aporte direto do Tesouro Nacional ou um empréstimo às distribuidoras de energia para ajudá-las a superar dificuldades de caixa devido ao alto custo com o uso das térmicas.

Na semana passada, duas fontes do governo haviam informado à Reuters que a hipótese de um aporte do Tesouro no setor estava sendo considerada.

"A decisão deve sair até segunda ou terça-feira", disse Lobão a jornalistas, acrescentando que o socorro pode ser de 70 a 100 por cento das despesas adicionais com térmicas. (Por Leonardo Goy)