Dólar cai 0,61% ante real com alívio sobre Itália

quarta-feira, 27 de fevereiro de 2013 19:20 BRT
 

Por Bruno Federowski e Natália Cacioli

SÃO PAULO, 27 Fev (Reuters) - O dólar fechou em baixa frente ao real nesta quarta-feira após sinais positivos na Europa e nos Estados Unidos atenuarem temores de que a indefinição das eleições italianas poderia piorar a crise econômica na zona do euro.

A queda das cotações foi acentuada pela ação de investidores que tentavam influenciar o fechamento de mês da Ptax, uma taxa média do dólar calculada pelo Banco Central.

A moeda norte-americana registrou queda de 0,61 por cento, a 1,9739 real na venda, após atingir 1,9845 real na máxima do dia e 1,9728 real na mínima.

Segundo dados da BM&F, o giro financeiro ficou em torno de 2,268 bilhões de dólares.

"O mercado deixou um pouco de lado a questão das eleições na Itália", disse o operador de câmbio da Intercam Corretora, Glauber Romano. "O cenário externo deu uma aliviada, então (a moeda) acabou operando bem abaixo do fechamento de ontem".

A incertaza política resultante das eleições italianas - que não deram maioria parlamentar a nenhum partido - havia elevado a demanda por dólares nas últimas duas sessões.

No entanto, um leilão de dívida italiana de longo prazo realizado nesta quarta-feira teve demanda sólida dos investidores, o que amenizou os temores do mercado sobre o futuro fiscal do país.

Além disso, o chairman do Federal Reserve, Ben Bernanke, repetiu durante a tarde sua forte defesa ao programa de compra de ativos do banco central norte-americano, aliviando temores de que a autoridade monetária possa interromper ou reduzir o estímulo antes do planejado.   Continuação...