Mercado favorece exportações de milho do Brasil--Cepea

sexta-feira, 21 de junho de 2013 16:04 BRT
 

SÃO PAULO, 21 Jun (Reuters) - As valorizações do dólar frente ao real, ganhos externos nos preços da commodity e a intervenção do governo no mercado físico são fatores por trás de uma melhora na remuneração dos produtores no Brasil, o que deve estimular vendas para a exportação, avaliou nesta sexta-feira o Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea).

"Colaboradores da ponta vendedora sinalizam que as reações no porto são otimistas e podem beneficiar as negociações externas e, por consequência, também elevar os preços domésticos", disse a órgão da Universidade de São Paulo.

Maiores taxas de câmbio e alta nos preços externos puxaram as cotações em Paranaguá, impulsionando negócios com entrega nos próximos meses, disse o Cepea.

Os preços nas regiões do Paraná e de Mato Grosso, maiores exportadores, voltaram a subir, depois de os valores no Estado mato-grossense chegarem aos menores níveis em 33 meses.

As cotações na última semana tiveram elevação de 5,4 por cento em Sorriso/MT e de 2 por cento em Cascavel/PR, fechando a 11,77 reais por saca de 60 kg e 22,65 reais por saca, respectivamente.

Para ver a análise completa, clique em:

(Por Roberto Samora)