Índices dos EUA sobem por dados fortes após quedas recentes

terça-feira, 25 de junho de 2013 18:20 BRT
 

Por Alison Griswold

NOVA YORK, 25 Jun (Reuters) - As ações dos Estados Unidos registraram a maior alta em quase duas semanas nesta terça-feira após o resultado do setor imobiliário e de bens duráveis tranquilizarem investidores que estavam preocupados com os planos do Federal Reserve, banco central do país, para reduzir o programa de estímulo econômico.

O índice Dow Jones avançou 0,69 por cento, para 14.760 pontos. O índice Standard & Poor's 500 teve valorização de 0,95 por cento, para 1.588 pontos. O termômetro de tecnologia Nasdaq subiu 0,82 por cento, para 3.347 pontos.

Analistas afirmaram que os ganhos foram promovidos por uma série de compradores: hedge funds e clientes de varejo atraídos pelos recentes declínios do mercado.

"Eu acho que investidores chegaram à seguinte conclusão: 'OK, tivemos uma forte reação a o que o Fed disse e agora tomamos fôlego e podemos reavaliar a situação'", disse o gestor sênior de portfólio do Gradient Investments LLC, Mike Binger.

"Essa pequena correção deu às pessoas que não entraram no rali uma chance de voltar ao mercado", emendou.

O ganho de pouco menos de 1 por cento no S&P 500 foi o maior desde 13 junho.

Dados sobre pedidos de bens duráveis, vendas de novos imóveis e confiança do consumidor superaram as expectativas de analistas. O relatório Case/Shiller de abril sobre preços de imóveis também bateu as projeções. Se essa série de indicadores econômicos positivos continuar, vai aliviar aqueles que estão preocupados com a falta de apoio do Fed.