Light vê Ebitda em R$1,98 bi em 2016; quer investir R$2,5 bi de 2013 a 2016

terça-feira, 25 de junho de 2013 19:51 BRT
 

SÃO PAULO, 25 Jun (Reuters) - A Light, companhia que atua em geração e distribuição de energia elétrica, estima um crescimento na geração de caixa medida pelo Ebitda de cerca de 8 por cento ao ano, chegando a 1,98 bilhão de reais em 2016, informou a empresa em apresentação de estimativas nesta terça-feira.

O Ebitda --sigla em inglês para lucro antes de juros, impostos, amortizações e depreciações-- da companhia fechou 2012 em 1,456 bilhão de reais, e a empresa baseia a projeção de aumento no crescimento de mercado, redução de perdas de energia e ganhos de eficiência operacional, entre outros fatores.

A companhia pretende investir 2,5 bilhões de reais de 2013 a 2016, com média de investimento anual de 620 milhões de reais. A maior parte, de 495 milhões de reais por ano, será para o segmento de distribuição de energia, segundo apresentação da empresa feita em encontro anual com investidores.

A Light vê um aumento de 2,5 por cento ao ano no seu mercado da distribuição de energia até 2016, chegando a 22.113 gigawatts-hora (GWh) de consumo de energia em 2016, ante 20.054 GWh em 2012.

Essa estimativa de aumento do mercado atendido pela empresa deve-se a premissas como continuidade do crescimento econômico na área de concessão e redução de perdas de energia, entre outros fatores.

Já os custos e despesas gerenciáveis devem crescer 4,5 por cento ao ano, chegando a 922 milhões de reais em 2016.

A dívida líquida da empresa, sem incluir o endividamento relacionado a suas participações acionárias, é esperada em 4,745 bilhões de reais em 2016, ante 4,273 bilhões de reais em dezembro de 2012.

(Por Anna Flávia Rochas)