China imporá taxas antidumping contra produto químico europeu

quinta-feira, 27 de junho de 2013 09:24 BRT
 

PEQUIM (Reuters) - A China vai impor a partir de sexta-feira tarifa antidumping de até 37 por cento sobre um produto químico importado da União Europeia, anunciou o Ministério do Comércio, no mais recente movimento de uma série de disputas que pode alimentar a crescente tensão entre os parceiros comerciais.

Laços comerciais entre a China e a União Europeia estão tensas pela imposição de uma série de tarifas antidumping, especialmente depois da UE decidir por encargos punitivos sobre painéis solares exportados pela China.

A decisão de quinta-feira estabelece taxas que variam de 19,6 por cento a 36,9 por cento sobre exportações europeias de toluidina, um produto químico usado em corantes, medicamentos e agrotóxicos, entre outros usos.

A taxa entrará em vigor a partir de 28 de junho, com duração de cinco anos, explicou o Ministério do Comércio em seu site, www.mofcom.gov.cn. O anúncio conclui uma investigação sobre o produto que foi iniciada em junho de 2012.

A China ainda pode analisar uma queixa sobre carros de luxo importados da UE, aumentando preocupações de que o atrito comercial, que começou por causa dos painéis solares, pode se espalhar para alguns dos produtos mais populares entre os chineses ricos.