Etanolduto de Ribeirão Preto a Paulínia começa a funcionar

quinta-feira, 27 de junho de 2013 14:03 BRT
 

RIO DE JANEIRO, 27 Jun (Reuters) - A primeira transferência de etanol hidratado por meio de um duto da Logum Logística foi realizada nesta semana, informou a Petrobras, uma das sócias do empreendimento.

O duto liga o Terminal Terrestre de Ribeirão Preto, importante região produtora de etanol, à Refinaria de Paulínia (Replan), em um trecho de 206 km.

A operação comercial definitiva desse ativo, prevista para julho, permitirá a venda do etanol hidratado em Paulínia ou a sua transferência, por meio de outros dutos, para Barueri e Rio de Janeiro. A primeira transferência foi realizada na última terça-feira, disse a empresa em nota nesta quinta-feira.

Esta é a primeira etapa de um empreendimento que integra o Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), estimado em 7 bilhões de reais, constituído de modais dutoviário e hidroviário, acrescentou a estatal.

"A iniciativa permitirá a coleta de etanol dos centros produtores, principalmente dos Estados de Goiás, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul e São Paulo, e o transporte do combustível até os grandes centros consumidores do Sudeste do País, permitindo inclusive cabotagens e exportações", informou a Petrobras.

A Transpetro, braço de logística da Petrobras, será operadora do duto de etanol.

A Petrobras é acionista da Logum juntamente com os sócios Camargo Corrêa Construções e Participações, Copersucar, Raízen Energia, Odebrecht Transport Participações e Uniduto Logística.

(Por Sabrina Lorenzi)