Taxa de retorno do trem-bala deve ficar em 7%, diz fonte da Fazenda

sexta-feira, 28 de junho de 2013 16:46 BRT
 

Por Leonardo Goy

BRASÍLIA, 28 Jun (Reuters) - A taxa interna de retorno (TIR) da concessão do trem-bala que ligará Campinas, São Paulo e Rio de Janeiro deverá ficar em 7 por cento, afirmou à Reuters nesta sexta-feira uma fonte do Ministério da Fazenda.

Embora o percentual seja superior aos 6,32 por cento previstos na minuta do edital do empreendimento, lançada em dezembro passado, ele é inferior à expectativa da Empresa de Planejamento e Logística (EPL), que esperava uma TIR ao redor de 8 por cento.

Segundo a fonte da Fazenda, que falou sob condição de anonimato, o retorno do capital próprio a ser investido pelo futuro concessionário será quase o dobro da TIR, atingindo estimados 13,6 por cento. O governo deve manter a taxa de alavancagem do projeto em 70 por cento.