Saída de estrangeiros da Bovespa em junho é a pior desde setembro de 2012

terça-feira, 2 de julho de 2013 12:58 BRT
 

SÃO PAULO, 2 Jul (Reuters) - O saldo negativo de recursos externos na Bovespa totalizou 4,07 bilhões de reais em junho, o maior desde os 4,17 bilhões de reais de setembro de 2012, em meio a um cenário global de maior aversão a risco e deterioração das expectativas em relação à economia doméstica.

A saída poderia ter sido ainda maior não fosse a entrada de pouco mais de 1 bilhão de reais por investidores estrangeiros na bolsa paulista apenas no último pregão do mês passado.

Segundo os últimos dados publicados no site da BM&FBovespa, as compras feitas por estrangeiros somaram 76,62 bilhões de reais na bolsa paulista em junho, enquanto as vendas ficaram em 80,69 bilhões de reais. O Ibovespa registrou queda de 11,3 por cento no mês.

No acumulado do ano, o saldo de recursos externos na Bovespa ainda estava positivo em 4,23 bilhões de reais no encerramento do primeiro trimestre.

Na média de 2013, os estrangeiros respondem por 42,5 por cento do volume negociado na bolsa paulista.

No grupo de investidores institucionais, que representam 32,8 por cento do giro da bolsa, houve entrada de 2,41 bilhões de reais em junho.

Já o saldo de recursos de pessoas físicas, que têm participação de 15,7 por cento, ficou positivo em 749,48 milhões de reais no mês passado.

(Por Danielle Assalve)