Ações asiáticas têm alta de olho em Portugal e dados dos EUA

quinta-feira, 4 de julho de 2013 07:56 BRT
 

Por Masayuki Kitano e Ian Chua

CINGAPURA/SYDNEY, 4 Jul (Reuters) - As ações asiáticas subiram nesta quinta-feira, mas os ganhos foram limitados pelas preocupações com as agitação política em Portugal E pela cautela do investidores antes de dados importantes como os de emprego nos Estados Unidos na sexta-feira.

Às 7h51 (horário de Brasília), o índice MSCI que reúne ações da região Ásia-Pacífico com exceção do Japão subia 0,99 por cento, recuperando parte da queda de quarta-feira de mais de 2,4 por cento.

As ações regionais tiveram em geral alta, com as de Hong Kong subindo 1,60 por cento após queda de 2,5 por cento no dia anterior, e as de Xangai ganhando 0,59 por cento.

Entretanto, o índice Nikkei do Japão caiu 0,26 por cento.

"O volume deve permanecer baixo porque há menos participantes uma vez que os mercados dos EUA ficarão fechados hoje", disse o gerente-geral assistente do SMBC Nikko Securities, Hiroichi Nishi, referindo-se ao feriado de 4 de Julho nos EUA.

"Os investidores estão focados nos dados de emprego dos EUA na sexta-feira, portanto não vão assumir grandes posições hoje."

Os investidores aguardam os dados de emprego norte-americanos em busca de pistas sobre quando o Federal Reserve, banco central do país, começará a reduzir seu programa de compra mensal de títulos de 85 bilhões de dólares.

A crise política em Portugal foi outro motivo de cautela. O governo português está lutando para sobreviver após as renúncias dos ministros das Relações Exteriores e das Finanças nesta semana, o que pode privá-lo de uma maioria no Parlamento.