Taxa de desemprego na Grécia bate novo recorde em abril

quinta-feira, 11 de julho de 2013 07:46 BRT
 

ATENAS, 11 Jul (Reuters) - A taxa de desemprego da Grécia bateu novo recorde em abril, em consequência da recessão e depois de mais de três anos de austeridade implementada em troca de ajuda financeira no âmbito de um acordo de resgate internacional.

A taxa de desemprego do país subiu a 26,9 por cento, ante 26,8 por cento em março, a leitura mais alta desde que as estatísticas do serviço ELSTAT começaram a ser publicadas, em 2006. É mais do que o dobro da taxa média da zona euro, que atingiu 12,2 por cento em maio.

"O fato importante é que quase dois, em cada três, têm ficado fora do trabalho por mais de 12 meses", disse o economista do instituto de pesquisa IOBE, Angelos Tsakanikas, ressaltando os profundos problemas no mercado de trabalho.

Aqueles com idade entre 15 e 24 anos permanecem entre os mais afetados, embora a taxa de desemprego para essa faixa etária tenha diminuído para 57,5 por cento em abril, de 58,3 por cento em março.

A taxa de desemprego da Grécia triplicou desde o início da crise em 2009, quando centenas de milhares de pessoas perderam o trabalho ou seus negócios.