Produção industrial da zona do euro cai em maio e indica recuperação frágil

sexta-feira, 12 de julho de 2013 07:35 BRT
 

Por Martin Santa

BRUXELAS, 12 Jul (Reuters) - A produção industrial da zona do euro caiu em maio pela primeira vez em quatro meses, sugerindo uma recuperação frágil e desigual no bloco que enfrenta desemprego recorde e novas tensões políticas no sul.

A produção industrial nos 17 países que usam a moeda única caiu 0,3 por cento na comparação mensal, após aumento de 0,5 por cento em abril segundo dados revisados da agência de estatísticas da UE Eurostat.

Economistas consultados pela Reuters esperavam um declínio de 0,2 por cento em maio.

Na comparação com o mesmo período do ano passado, a produção industrial em maio caiu como esperado 1,3 por cento, após contração de 0,6 por cento em abril.

A produção das duas maiores economias da Europa, Alemanha e França, recuou em maio, com Itália e Espanha mostrando pequenos aumentos. No geral, a produção industrial foi afetada por uma queda de 2,3 por cento na produção de bens duráveis, como carros e TVs.

Alemanha, França e Itália respondem por dois terços da produção industrial da zona do euro.