ATUALIZA 1-Lucro do Wells Fargo sobe 20% com menos provisões para empréstimos ruins

sexta-feira, 12 de julho de 2013 10:47 BRT
 

12 Jul (Reuters) - O Wells Fargo & Co, maior credor de hipotecas dos Estados Unidos, anunciou um aumento de 20 por cento no lucro do segundo trimestre nesta sexta-feira, reservando menos dinheiro para a cobertura de empréstimos ruins.

O lucro líquido aplicável aos donos de ações ordinárias do quarto maior banco dos EUA subiu para 5,27 bilhões dólares, ou 0,98 dólar por ação, ante 4,40 bilhões de dólares, ou 0,82 dólar por ação, um ano antes.

Analistas esperavam lucro de 0,93 dólar por ação, segundo a Thomson Reuters I/B/E/S. O resultado marcou o 14o trimestre consecutivo de crescimento nos lucros por ação.

A provisão para créditos de cobrança duvidosa caiu 64 por cento, para 652 milhões de dólares.

O aumento das taxas de juros nos Estados Unidos desde o início de maio contribuiu para uma desaceleração no refinanciamento, atividade que respondeu por 54 por cento dos pedidos de hipotecas do Wells Fargo no segundo trimestre, abaixo dos quase dois terços anunciados no primeiro trimestre.

A demanda geral por refinanciamento caiu 45 por cento no último trimestre, de acordo com a Associação de Bancos de Hipotecas.

A receita total do Wells Fargo subiu ligeiramente para 21,37 bilhões de dólares, sobre 21,29 bilhões divulgados um ano antes. As despesas não decorrentes de juros caíram de 12,40 bilhões para 12,25 bilhões de dólares.

(Por Anil D'Silva em Bangalore e Peter Rudegeair em Nova York)