12 de Julho de 2013 / às 21:14 / 4 anos atrás

Ibovespa perde 2,34% por novos sinais de fraqueza econômica

Por Danielle Assalve

SÃO PAULO, 12 Jul (Reuters) - O principal índice acionário da Bovespa perdeu mais de 2 por cento nesta sexta-feira, numa sessão de fraco volume de negócios, com novos sinais de fragilidade da economia brasileira minando o apetite de investidores por ações domésticas.

O Ibovespa registrou queda de 2,34 por cento, a 45.533 pontos, pressionado também por novo tombo das ações das empresas 'X', de Eike Batista, e da queda das blue chips Vale e Petrobras.

Ainda assim, o índice conseguiu acumular alta de 0,7 por cento na semana. Já no ano, a queda é superior a 25 por cento.

O giro financeiro do pregão desta sexta-feira ficou em 5,3 bilhões de reais, bem abaixo da média diária do ano, de cerca de 7,8 bilhões de reais.

"Isso mostra que estamos num momento de grande desânimo dos investidores com a renda variável", disse o economista Silvio Campos Neto, da Tendências Consultoria.

"A percepção é bem pouco animadora para o cenário para a economia brasileira e, consequentemente, para o resultado das empresas", acrescentou.

O Índice de Atividade Econômica do Banco Central (IBC-Br) divulgado pela manhã assustou investidores, ao mostrar que a economia do país teve em maio a maior retração desde 2008, pressionada pela fraqueza da produção industrial.

"É mais uma evidência do baixo crescimento do Brasil, abaixo das projeções do mercado", disse o estrategista Luis Gustavo Pereira, da Futura Corretora, citando que o fraco IBC-Br abriu espaço para realização após o avanço da semana.

Diante de um cenário mais desafiador, estrategistas do Bank of America Merrill Lynch cortaram a estimativa para o Ibovespa no fim de 2013, de 65 mil para 50 mil pontos.

Além de preocupações com a cena local, a expectativa pela divulgação do PIB da China na noite de domingo (horário de Brasília) também manteve investidores cautelosos. Eventuais sinais de fraqueza da segunda maior economia mundial podem minar o apetite por risco dos mercados no início da semana que vem.

Nesta sessão, ações das empresas 'X', de Eike Batista, lideravam as perdas do Ibovespa, com destaque para a petroleira OGX, que perdeu quase 22 por cento.

Operadores atribuíram o movimento às persistentes preocupações do mercado sobre o futuro do grupo EBX. Nesta sexta-feira, a Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) disse que vai analisar os três poços que a OGX tem em Tubarão Azul, para estabelecer se são economicamente viáveis, e poderá retomar a área petrolífera.

Por Danielle Assalve

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below