Coca-Cola pesa e índice S&P interrompe série de oito dias seguidos de alta

terça-feira, 16 de julho de 2013 18:48 BRT
 

NOVA YORK, 16 Jul (Reuters) - O índice S&P 500 interrompeu uma série de oito dias consecutivos de alta na quinta-feira, depois da divulgação das vendas decepcionantes da Coca-Cola, enquanto os investidores ficaram cautelosos na véspera da audiência do chairman do Federal Reserve, Ben Bernanke, no Congresso dos Estados Unidos.

O recuo do mercado veio um dia depois de o Dow Jones e o S&P 500 terem encerrado em máximas recordes pela terceira sessão consecutiva.

O volume de terça-feira ficou abaixo da média, com 5,5 bilhões de ações negociadas nas bolsas, mas acima do volume de 4,91 bilhões de segunda-feira, que foi o dia de menor volume neste ano.

Oito dos dez índices de setores da indústria do S&P 500 declinaram, com ações do setor de matérias-primas entre os piores desempenhos do dia.

A Coca-Cola Co registrou a maior queda em pontos do S&P 500, após a maior fabricante de refrigerantes do mundo divulgar vendas mais fracas do que o esperado no segundo trimestre. A empresa atribuiu o resultado ao mal-estar econômico e ao clima excepcionalmente frio e úmido. A ação da Coca-Cola foi a maior perdedora percentual do Dow, ao cair 1,9 por cento a 40,23 dólares.

"Eu acho que você vai ver um monte de empresas que mal vão atingir suas expectativas de lucro e novamente vão relatar redução das receitas, e eu acho que isso é o cerne do problema com a nossa economia", disse Brian Amidei, diretor-gerente da Hightower Advisors, em Palm Desert, Califórnia.

Os investidores estão ansiosos para ouvir a audiência do chairman do Federal Reserve, Ben Bernanke, na quarta-feira, no Comitê de Serviços Financeiros da Câmara dos Deputados. Seus comentários serão analisados ​​de perto em busca de sinais de quando o Fed pode começar a reduzir seu programa de estímulo monetário.

Comentários de Bernanke no final de maio, que levantaram a perspectiva de redução das compras de 85 bilhões de dólares em títulos ao mês pelo Fed, desencadearam vendas e interromperam o rali deste ano. O S&P 500 ainda está em alta de 17,5 por cento desde 31 de dezembro.

O Dow Jones recuou 0,21 por cento na terça-feira, fechando em 15.451 pontos. O Standard & Poor's 500 caiu 0,37 por cento para fechar em 1.676 pontos, enquanto o Nasdaq Composite Index recuou 0,25 por cento e fechou a 3.598 pontos.

(Por Caroline Valetkevitch)