Embraer e ILFC assinam acordo final avaliado em US$2,85 bi

quarta-feira, 17 de julho de 2013 09:50 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - A Embraer e a International Lease Finance Corporation (ILFC) assinaram um acordo final para a encomenda firme de 50 jatos da segunda geração da fabricante brasileira, com um valor estimado de 2,85 bilhões de dólares a preços de tabela.

Segundo comunicado da Embraer nesta quarta-feira, o contrato, que foi anunciado como carta de intenções durante a Paris Air Show em junho, também considera opções para outras 50 aeronaves adicionais, elevando o potencial do pedido para até 100 aviões.

O pedido firme envolve 25 unidades do E190 da segunda geração, e outras 25 do E195, também da nova geração.

A Embraer lançou a segunda geração de seus aviões comerciais E-Jets em junho, na Paris Air Show, quando também divulgou encomendas potenciais de centenas de jatos estimadas em 18 bilhões de dólares.

Na ocasião, a empresa estimou a entrada em serviço do E190-E2 no primeiro semestre de 2018, com o E195-E2 iniciando voos comerciais em 2019 e o terceiro avião, o E175-E2 em 2020.

(Por Roberta Vilas Boas)