Fabricante de aviões Cessna sofre queda de 34% no lucro

quarta-feira, 17 de julho de 2013 12:00 BRT
 

17 Jul (Reuters) - A norte-americana Textron, maior fabricante de aviões executivos do mundo, divulgou nesta quarta-feira queda de 34 por cento no lucro trimestral, depois que as entregas caíram mais do que a metade na unidade Cessna.

Cortes orçamentários têm pressionado os gastos de muitas pequenas empresas, principais clientes da Cessna.

A unidade, que produz aviões pequenos com motores a pistão e jatos executivos, divulgou prejuízo trimestral depois que as entregas dos jatos Citation despencaram para 20 ante 49 no mesmo período do ano passado.

A divisão de helicópteros Bell, que produz helicópteros civis e militares e é a maior unidade da Textron em receita, entregou 44 unidades comerciais ante 47 no segundo trimestre do ano passado.

Com isso, a receita da companhia caiu 6 por cento, para 2,8 bilhões de dólares, no segundo trimestre.

O lucro de operações contínuas caiu para 114 milhões de dólares, ou 0,40 dólar por ação, ante 173 milhões, ou 0,58 dólar por papel, entre abril e junho de 2012.

Analistas, em média, esperavam lucro de 0,38 dólar por ação, com receita de 3,01 bilhões de dólares.