Electrolux vê retomada da Europa em 2014

sexta-feira, 19 de julho de 2013 15:10 BRT
 

ESTOCOLMO, 19 Jul (Reuters) - A fabricante de eletrodomésticos Electrolux previu uma recuperação na demanda por seus produtos na Europa em 2014 e elevou sua previsão de desempenho nos Estados Unidos neste ano, incentivada pela melhora do mercado imobiliário do país.

A companhia sueca, segunda maior fabricante de eletrodomésticos do mundo atrás da norte-americana Whirlpool, cortou custos e ampliou sua presença nos mercados emergentes enquanto espera por uma retomada dos mercados dos EUA e Europa.

"Olhando para o próximo ano e além dele, esperamos que a demanda na Europa se recupere e, em combinação com nossas medidas na região, o resultado deve se recuperar", afirmou a empresa em comunicado.

A Electrolux teve lucro operacional de 1,04 bilhão de coroas suecas (158 milhões de dólares) no segundo trimestre, queda ante o resultado positivo de 1,11 bilhão de coroas registrado um ano antes em parte por causa de variações cambiais. O resultado veio em linha com expectativas de analistas consultados pela Reuters.

As vendas ficaram estáveis em 27,8 bilhões de coroas. A Electrolux informou que o total de vendas da indústria na Europa subiu 1 por cento no trimestre, o primeiro crescimento em seis trimestres.

Europa e América do Norte são responsáveis por cerca de dois terços das receitas da Electrolux. A América Latina tem participação de 20 por cento e a região Ásia-Pacífico participa com cerca de 8 por cento.

(Por Mia Shanley e Sven Nordenstam)