Premiê de Portugal promete finalizar resgate e restaurar confiança

segunda-feira, 22 de julho de 2013 09:32 BRT
 

LISBOA, 22 Jul (Reuters) - O primeiro-ministro de Portugal, Pedro Passos Coelho, afirmou nesta segunda-feira que o país precisa restaurar a confiança prejudicada pela crise política deste mês, e prometeu cumprir o cronograma firmado com os credores internacionais para que o país saia de seu resgate até meados de 2014.

Em seu primeiro discurso depois que o presidente descartou uma eleição antecipada e disse ao governo para permanecer e terminar seu mandato até 2015, Passos disse que o curso da austeridade e as reformas profundas têm que continuar, visto que foram ditadas pelas circunstâncias difíceis do país.

"Nós iremos restaurar a confiança sem levantar qualquer dúvida sobre o processo que estamos realizando, dizendo 'sim, queremos finalizar o programa de assistência na data firmada'", disse ele.

(Reportagem de Andrei Khalip e Daniel Alvarenga)