Lucro da Lockheed supera expectativas e companhia eleva perspectivas

terça-feira, 23 de julho de 2013 11:34 BRT
 

WASHINGTON, 23 Jul (Reuters) - A Lockheed Martin Corp superou expectativas dos analistas nesta terça-feira com um aumento de 10 por cento nos lucros do segundo trimestre, e elevou a previsão de ganhos para o ano inteiro, dizendo que os cortes no orçamento do Pentágono não afetaram a companhia como esperado.

A notícia levou as ações da Lockheed a subirem 2,7 por cento às 11h03 (horário de Brasília). A empresa é a maior fornecedora do Pentágono e fabrica os jatos de combate F-35, mísseis Aegis e novos navios de defesa costeira.

"No geral, tivemos um forte desempenho operacional e execução do programa em todas as áreas de negócios neste trimestre, o que nos permitiu aumentar a perspectiva financeira para 2013 para o lucro operacional, lucro por ação e caixa das operações", disse a presidente-executiva Marillyn Hewson, em comunicado à imprensa.

A Lockheed afirmou que espera lucro por ação entre 9,20 e 9,50 dólares para o ano de 2013, um aumento de 4 por cento em relação a previsão de abril. A companhia deixou sua previsão de receita inalterada em uma faixa de 44,5 bilhões a 46 bilhões de dólares.

A empresa registrou lucro líquido de 859 milhões de dólares no segundo trimestre, acima dos 781 milhões de dólares de um ano antes. O lucro por ação subiu de 2,38 para 2,64 dólares. A receita caiu 4 por cento, para 11,4 bilhões de dólares.

Analistas consultados pela Thomson Reuters I/B/E/S esperavam lucro de 2,20 dólar por ação e receita de 11,1 bilhões de dólares.

O vice-presidente financeiro Bruce Tanner disse aos repórteres que os cortes orçamentários de 37 bilhões de dólares impostos ao Pentágono no início do ano tiveram um impacto menor sobre a empresa que o inicialmente esperado.

(Por Andrea Shalal-Esa)