Lucro da petroleira Statoil vem abaixo do esperado por preços menores

quinta-feira, 25 de julho de 2013 17:25 BRT
 

OSLO, 25 Jul (Reuters) - A petroleira norueguesa Statoil não alcançou a expectativa para o segundo trimestre por conta dos preços mais baixos de gás e petróleo, mas manteve suas metas para todo o ano, incluindo os seus ambiciosos planos de gastos de capital.

A Statoil disse nesta quinta-feira que seu lucro operacional ajustado caiu 17 por cento, para 38 bilhões de coroas (6,43 bilhões de dólares), contra a expectativa dos analistas de 40,7 bilhões de coroas, uma vez que os preços realizados do petróleo e gás caíram muito mais do que os mercados haviam antecipado.

A produção recorde em seus campos fora da Noruega elevou a produção para 1,967 milhão de barris equivalentes de petróleo (boe) por dia, acima das expectativas de 1,92 milhão de barris.

A produção e a rentabilidade da Statoil têm sido afetadas este ano, com a empresa enfrentando uma série de desafios, incluindo interrupções inesperadas, o impacto persistente de desinvestimentos, a maturidade de campos no Mar do Norte e os preços mais baixos do petróleo.

A empresa também está correndo para colocar novos campos em produção, e a empresa reiterou que vai fazer 19 bilhões de dólares de investimentos, uma vez que planeja elevar a produção diária a mais de 2,5 milhões de barris equivalentes de petróleo por dia até 2020.

As empresas também manteve sua meta de perfurar 50 poços este ano e gastar 3,5 bilhões de dólares em exploração, uma vez que ela perfura nas áreas marítimas importantes, como as do Brasil, leste da África e no Ártico norueguês.

Os investidores têm se livrado dos papéis já que os pesados investimentos irão corroer grande parte do fluxo de caixa livre nos próximos anos.

(1 dólar = 5,9105 coroas norueguesas)

(Reportagem de Balazs Koranyi e Victoria Klesty)