Em dia volátil, dólar cai 0,49% ante o real com fluxos pontuais e BC

quinta-feira, 25 de julho de 2013 17:54 BRT
 

Por Tiago Pariz

SÃO PAULO, 25 Jul (Reuters) - Em sessão bastante volátil, o dólar encerrou em queda nesta quinta-feira após atuação do Banco Central e graças a fluxos pontuais de exportadores e de investidores estrangeiros que aproveitaram a cotação em alta para internalizar recursos.

A moeda dos Estados Unidos caiu 0,49 por cento, a 2,2395 reais na venda, fechando próximo da mínima do dia, de 2,2359 reais. O volume ficou em quase 2 bilhões de dólares, segundo dados da BM&F.

"Teve mais volatilidade com volume pequeno e mudando de acordo com os fluxos", afirmou o operador de câmbio da Renascença José Carlos Amado.

O pregão teve fortes variações, com o dólar batendo na máxima do dia em 2,2660 reais. Os negócios começaram com a moeda norte-americana em alta, acompanhando o movimento no mercado internacional, mas inverteu a tendência após a atuação do BC, que acabou estimulando a ação de exportadores e investidores de fora para internalizar recursos antes que a cotação caísse ainda mais.

Durante a tarde, o dólar voltou a registrar alta e, no final do pregão, segundo operadores, os investidores estrangeiros aproveitaram para alocar recursos na Bovespa, derrubando a cotação da moeda norte-americana.

"A bolsa veio melhorando gradativamente durante o dia e foi renovando máxima junto com a queda do dólar", afirmou um operador de câmbio de banco brasileiro, que pediu para não ser identificado.

SWAPS

O BC realizou leilão de swap cambial tradicional --equivalente à venda de dólares no mercado futuro-- durante a manhã, vendendo todos os 20 mil contratos ofertados com vencimento em 2 de janeiro de 2014.   Continuação...