Ibovespa fecha no maior nível em mais de um mês

quinta-feira, 25 de julho de 2013 18:18 BRT
 

SÃO PAULO, 25 Jul (Reuters) - O principal índice da Bovespa encerrou a sessão desta quinta-feira no maior nível em mais de um mês, com investidores animados por uma melhora no cenário externo.

O Ibovespa subiu 1,43 por cento, a 49.066 pontos, maior fechamento desde os 49.464 pontos de 18 de junho. O giro financeiro da sessão foi de 6,1 bilhões de reais.

Após abrir a sessão em queda, pressionado por preocupações sobre a desaceleração do crescimento na China, o Ibovespa inverteu o sinal, seguindo o desempenho das bolsas globais.

"As bolsas norte-americanas se distanciaram das mínimas e as europeias tiveram perdas bem menores", disse operador Luiz Roberto Monteiro, da Renascença Corretora.

Dados divulgados mais cedo mostraram que as encomendas de bens duráveis nos EUA saltaram 4,2 por cento em junho, contra estimativa de 1,3 por cento de economistas consultados pela Reuters.

"O número deu um alento para o mercado, assim como dados domésticos de inflação melhores que os esperados", afirmou Carlos Soares, do departamento de análise da Magliano Corretora, referindo-se ao Índice de Preços ao Consumidor, da Fipe, que mostrou deflação de 0,16 por cento na terceira quadrissemana de julho.

Colaborou ainda para a alta do índice a atividade de investidores estrangeiros, que têm zerado posições vendidas no mercado futuro e aumentado as compras no mercado à vista.

Segundo dados da bolsa paulista, o saldo da movimentação de investidores estrangeiros em julho, que chegou a ser negativo em mais de 1 bilhão de reais, inverteu a curva e estava positivo em 597,6 milhões até dia 23.

Foram destaques positivos do dia a construtora PDG Realty e a petroleira Petrobras.   Continuação...