Klabin mantém plano de oferta de units; vê melhora no 3o tri

sexta-feira, 26 de julho de 2013 12:27 BRT
 

SÃO PAULO, 26 Jul (Reuters) - A Klabin reafirmou nesta sexta-feira os planos de captar recursos com uma oferta de units para a construção de sua fábrica de celulose no Paraná e estimou melhora nos resultado do terceiro trimestre.

"Nós tomamos a decisão de fazer o projeto por meio de aumento de capital. Continuamos nessa direção", disse o diretor-geral da companhia, Fabio Schvartsman, em teleconferência com analistas, ressalvando que a empresa não pretende fazer uma operação em condições desfavoráveis.

Em junho, o conselho de administração da empresa aprovou a construção de uma fábrica em Ortigueiras (PR), a ser financiada com uma emissão 1,7 bilhão de reais em units para que a Klabin consiga tocar o projeto sozinha, em vez de em parceria com investidores, como previsto inicialmente.

Na ocasião, a Klabin disse que suspenderia a emissão se o mercado piorasse, e que poderia voltar a procurar parceiros. Nesta manhã, Schvartsman descartou mudar os termos da emissão.

"A companhia apresentou um conjunto de propostas ao mercado, que foi muito cuidadosamente elaborado. Não existe qualquer mudança possível; se houvesse, já teria sido feita", disse.

CENÁRIO INTERNO

O executivo também afirmou que os resultados financeiros da empresa deverão ser mais fortes no terceiro trimestre, do que o registrado entre abril a junho.

"Independente do que ocorrer no mercado doméstico, a Klabin terá boa performance no terceiro trimestre, pela combinação de fatores, como flexbilidade de linha de produtos, que permite direcionar parte da produção à exportação", disse Schvartsman.

O executivo ressaltou também que todos os custos de paradas de manutenção de fábricas já foram absorvidos nos resultados do segundo trimestre e não deve ter impacto no terceiro.   Continuação...