Embarque global de café cai por venda limitada do Vietnã--OIC

quarta-feira, 31 de julho de 2013 18:54 BRT
 

LONDRES, 31 Jul (Reuters) - As exportações mundiais de café totalizaram 8,64 milhões de sacas de 60 kg em junho, queda de 9,5 por cento ante o mesmo mês de 2012, disse a Organização Internacional do Café (OIC) nesta quarta-feira.

As vendas vietnamitas de café despencaram 35 por cento ante o mesmo mês de 2012, para 1,345 milhão de sacas de 60 kg, apontou a OIC, com os cafeicultores do maior produtor global de robusta segurando as vendas à espera de preços melhores.

Nos nove meses da safra 2012/13, que começou em 1o de outubro, as exportações de café subiram 3,4 por cento, para 84,31 milhões de sacas, mostraram os dados da OIC.

As exportações de café robusta do Vietnã também caíram nos nove meses acumulados da safra 2012/13, atingindo 17,32 milhões de sacas, 5,5 menor ante o mesmo período de um ano atrás, mostrou a OIC.

O Brasil, maior produtor de café do mundo, exportou 2,26 milhões de sacas em junho, alta de 18,5 por cento ante junho de 2012. E a Colômbia embarcou 672.394 sacas, 9,7 por cento a mais ante o mesmo mês do ano passado.

As exportações de café da Indonésia, que produz tanto arábica como robusta, foram reduzidas em mais da metade em junho para 425 mil sacas, queda de 55 por cento em relação a junho de 2012.

Contudo, nos primeiros nove meses da safra, as exportações da Indonésia somaram 6,8 milhões de sacas, alta de 30,6 por cento sobre igual período do ano passado, apontaram os dados.

Muitos comerciantes estão contando com a Indonésia para atender à crescente demanda global por robusta.

Os embarques de robusta em junho somaram 3,08 milhões de sacas, queda ante os 4,14 milhões de igual mês do ano passado.

As vendas de arábica subiram para 5,56 milhões de sacas, alta ante 5,41 milhões de sacas em junho de 2012.

(Reportagem de Nigel Hunt em Londres e Marcy Nicholson em Nova York)